Todos sabem que álcool e direção não combinam, mas poucos percebem que celular e direção também acarretam os mesmos riscos. De acordo com a Organização Mundial de Saúde , no mundo já são mais de 1,3 milhão de acidentes por ano relacionados ao uso do celular na direção. Segundo o departamento de trânsito dos Estados Unidos da América, um em cada 4 acidentes ocorre por algum motorista estar usando o celular. Na Espanha 51,74% dos acidentes com lesões em 2014 foram causados por falta de atenção na condução gerada pelo uso do aparelho. Estes dados evidenciam que o fator álcool e drogas como causa de acidentes de trânsito já perde para a distração com o uso do celular. No Brasil, o código de trânsito proí- be o celular desde 1997, mas o uso continua intenso. Alguns até pensam que o proibido é falar no celular, mas a lei proíbe o uso do mesmo para qualquer tarefa.

Quem digita mensagem de texto ao volante tem 23 vezes mais chances de sofrer um acidente. De acordo com o departamento de trânsito norte americano, uma simples ligação aumenta o risco de acidente em seis vezes. Fazer mais de uma atividade importante ao mesmo tempo aumenta significativamente o risco de que uma delas saia mal, pois o tempo de resposta diminui.

Atenção motoristas, não brinque com coisa séria. Sua vida e de sua família valem mais que uma mensagem ou uma ligação. Não espere algo terrível acontecer para fazer as mudanças necessárias.